sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Blogosfera...


Lá vou eu na travessia
visitar os sentimentos,
me envolver de alegria,
pegando o embalo do vento...

Aprendo a afinar Instrumentos,
como pássaros a chilrear,
olhando com encanto a Serra
vibro do lado de cá...

Eis a mágica blogosfera,
tropeços daqui e de lá
luzes acesas e outras apagadas,
outras na vontade de Recomeçar...

Nesta terra quantas riquezas
de plenitudes a jorrar,
valores não em si reconhecidos,
bens da vida, a Teatrar...

Tem bichinhos e Sementes
tem crianças a poetar,
nas Horas mais Absurdas
tem Âmago querendo amar...

Vejo Riscos e Rabiscos,
e Doces Filosofias,
nas Pinturas, vejo artistas
no divinal da Astrologia...

Encontros de Almas douradas,
Outonos em letras que vão,
primaveras de palavras,
narram Rosasolidão...

Ah! Nesse mundo tem de tudo,
tem letras soltando cor,
são desejos, gritos mudos,
poesias fazendo amor...

Muitas Asas a treino voo
como nos Alpes tem Flor,
entre gostos e desgosto,
a alegria expulsa a dor...

Eu já perdi a contagem,
minhas visitas a tantos bens,
esses números sem idades,
são todos Jovens do Além...

Eu, faço das Artes, minha Emoção
e jogo fora os meus dilemas,
amigos pra mim são estrelas,
e sem Palavras, não existe Poemas...



Lívi@petitto