quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Apenas de sonhos...


Os dias pra mim não mais cantam;
finjo não me importar e faço o canto,
quando estou sonhando...
Quando levanto, um corpo faz a cena
e as falas seguem pensando...
Bem que tento, realizar as pautas
ao que me proponho, mas quando chega
o desânimo, eu volto aos sonhos...


Lívi@petitto