terça-feira, 15 de junho de 2010

Gorduchinha Predileta


Lá vai ela à gorduchinha,
correndo fazendo entrelinhas,
desafiando ação...
E Corre no aparente sozinha,
toda, toda rolicinha,
driblando percursos entre vãos...
Faz-se toda disputada, enfeitiçando
a moçada sendo bela e favorita,
subindo pros ares danada,
no malabarismo das malhas,
cuspindo estrelas no chão...
Entre riscos e jeito arisco, desvia
da direção,
por vezes em contrafeito, cai
em braços, sem efeito, nos apertos
entre mãos...
Se sacode, bole, bole e volta pro
verde tapete pelo gozo interseção...
E lá vai ela gordinha, toda pomposa
se achando, com ré de bola, bolando...
E por se ver
mais esperta,
a todo mundo engana, engata seu tiro
lúdico, e sobre a rede ufana
pelo grito da torcida, quando é ela
a Predileta...


Lívi@petitto