domingo, 18 de abril de 2010

Ao Povo Brasileiro...

Como filha desse Senhor e, concordante com
o seu pensar, também filha desta Pátria-mãe gentil,
aqui posto, repassando o soneto aos meus gratos
leitores: Amemos esse nosso Brasil!
Sem Ordem, não é possível haver
Progresso...


Oh! Povo brasileiro augusto e sofredor!
De escolheres é tempo, Oh povo, os candidatos
que podem dirigir essa Nação com Amor!
É fácil de escolher, pesando-lhes os atos...

Democracia!... Oh povo, atenta no fulgor
De teu significado: um sistema de fatos,
em administrar bem, que dá ao eleitor
a ciência de eleger políticos sensatos!

Políticos?! Alguns existem de verdade
No contexto geral de nossa atualidade?
Três por cento, talvez, vemos nos atos seus...

São maioria os maus: no egoísmo envolvidos.
Por dinheiro e poder são da Pátria esquecidos,
Esquecidos do Bem, esquecidos de Deus!!!

Inaldo de Lacerda Lima
São Luís/MA
16/04/2010