sábado, 23 de janeiro de 2010

Seu Aniversário...


48 anos, números que pra mim representa
o teu existir,
mesmo sem aquelas vestimentas, de
quando te conheci...
Sim, 23 de Janeiro, eis o teu aniversário,
e ainda que não te veja, sinto as voltas
do meu peito,
os teus braços, que me rodeiam como um
escapulário...
É meia noite e vejo-te entrar, junto ao dia
que festeja o teu pulsar...
Perdoe-me a emoção, essas lágrimas que
me rolam à face, nas teimas por querer ficar...
Eu não posso tocar você, mas veja como
Deus é bom: me permite te sentir e até mesmo
perceber, que também estais a chorar e isto é
o que nos fortalece, porque sabemos que um
dia, vamos nos reencontrar...
Saudade... Palavra triste, sabemos disso,
como sabemos também, que a distância não
existe neste universo infinito...
ah, nossas filhas... Nossos motivos mais íntimos,
que pra mim, tornaram-se telas, quando vejo nelas,
um pedaço de você e te reconstruo em meus
pensamentos e dos teus traços, jamais vir a
esquecer...
São tão lindas como sois, na mistura de nós dois,
trazendo com elas, até os mínimos exemplos,
que você deixou, como herança do teu bem
proceder...
Agora me diz: como está você?
Estou sempre a orar por ti... É, eu bem sei que
você sabe, quando banhos de paz te emanam
semblante suave, desse amor que nos invade..
Vou deitar, preciso libertar desse meu corpo,
a alma que deseja te encontrar de novo...
voar por esse espaço bendito, te namorar, rever
os teus olhos, beijar os teus lábios, comemorando
contigo a tua festa, aí do outro lado...
Quando sei que anjos que te guardam, te aplaudem
neste teu viver, sempre abençoado...


══════ﺅﺊﺋﺋﻼణణﺅﷲﺅﺋﻼణణ══════

Parabéns meu eterno companheiro
pelo que és, sem nunca haver deixado
de ser...
Por te sentir vivo dentro de mim...
Pelo Pai magnífico deste percurso
infinito...


Lívi@petitto