sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Com vontade de um Bem


Hoje acordei com vontade de um Bem
Um Bem-Querer,
Um Bem-te-vi,
até mesmo de um
"Bem-jaflor"
Que saiba beijar com amor...


Livinh@__

Você Lembra?


Você lembra,
o tempo que a tudo luzia
e a gente num simples olhar,
os sentimentos entendia?
Você lembra,
do nosso primeiro encontro,
a sensação que a gente
já se conhecia?
O primeiro beijo,
faísca e lampejos
dos nossos desejos de amor..
ah, você se lembra
de toda aquela cena,
quando a gente valsava
num corpo só...
O tempo passava e a gente nem percebia,
que naquela simetria,
nossos corpos davam nó,
era tanta sintonia,
que nada num mundo fazia
o nosso amor virar pó...

Lembra?


Livinh@__

Caminha Comigo, Vem!!


Vem, caminha comigo,
ao meu lado, dê as mãos,
Não quero que apenas me siga,
bem como tbém não te sigo,
andando sem direção...
Vamos viver cada dia,
sem planos, sem construção
apenas embarcando no espaço,
no ritmo do coração...
Haveremos de viver,
voar, sorrir ou sofrer,
numa mesma sensação,
quero sentir o teu corpo no meu
no valsar duma canção...
Apenas Deus se fará ouvir,
dos sussurros ao luar
em nossos corpos luzir...
por estar a nos amar...


Livinh@__

Inspiração...


Inspiração é o vôo mais alto
que se pode alcançar...
é o colher das centelhas de luz
aqui e acolá,
formando sintonia em corpos
a declamar...

Livinh@__

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Festa na Floresta...


E a orquestra começara a se manifestar
sob a maestria do vento,
incentivando a tocar...

As árvores se fez em festa
e começaram a bailar,
com os galhos entre si,
a se entre-laçar...

As folhas no chão arrastadas
formando som reco-reco
e os animais, entrépidos
felizes a participar...

Os lobos assim uivavam,
na sonoridade do vento,
pássaros assoviavam,
em flauta doce, lentos...

As maritacas gritavam
de pleno contentamento,
enquanto animais inda mudos,
sorriam, assistindo tudo..

O lago que estava as voltas
cuidava da iluminação,
reunia sol, nuvens e céu
acompanhando a canção..

O instrumental, era completo
soava até mesmo, trombetas,
quem não tocava, dançava
como as lindas borboletas..

Eu aqui, me fazendo ouvir
belo som a assistir,
A vida assim tão presente
Me fazendo sorrir...

A natureza é harmônica,
feito luz em esplendor,
irracionais na floresta,
mostram exemplos de amor...


Livinh@__

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Um certo mensageiro...


Rosas para quem verceja
Rosas, a quem com amor se veja
E sensibilizada a alma
Se transporta nua, sem alma
Na viagem dos sonhos, ao seu amor

Versos que a ti componho
E com ternura imponho
No perceber da essência
Que por sua doce excelência
nos versos me influi torpor

Bendita o ser que faz versos
Pois vive no amor imerso
Em sua maior realidade
Que impõe a transcendentalidade
Que em nós reside, em valor!

Ps:Recebi esse poema hoje,
em resposta a um poema meu.
Vindo de outras esferas...
(Psicografia)
Obrigada Senhor!!

-Choro e sorrio,
sorrio e choro
pela Benção Divina
que sequer, imploro
e me acalenta a alma,
me ilumina...

Livinh@__

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

É o sentir que se Sente...


O pensamento ocupa a mente
levando a suspirar de repente...
Eles não são nossos,
não nos pertence....
Sempre direcionados a alguém
e nunca na gente...

Livinh@__

Obrigado Senhor...


Enquanto os pássaros,
silenciaram a orquestra matutina,
à tarde, saíram em bando para
ver o por do sol...
Na janela do céu, fecharam-se
as cortinas,
e as estrelas se acenderam
quando tudo escureceu...
A vida se preparou pra dormir,
unidas em prece e o dia a Deus
agradeceu....

Livinh@__

Retirando o véu..


Retirei o véu que encobria meus olhos,
para enxergar além das montanhas...
Deparei com um cenário sublime
de luz, que a corações redime,
deixando Paz e amor no corações
dos homens...

Livinh@__

Minha Biografia...


Lembrei que tenho uma agenda
guardada lá no infinito,
deixada no esquecimento, um dia
por ser minha Biografia..
Ao mundo cheguei, nessa viagem,
sem poder dizer quem sou
repito, eu esqueci
o passado que lá ficou..
Vir para uma missão,
que sinceramente, não sei
que irá desenrolando-se
até onde, outrora destinei..
Prazeres que já vivi
são méritos que já conquistei
mas sofrimentos? meu Deus!
porque será que topei?
Acho que antes de vir ao mundo,
confesso que me achei,
mas se Deus, a mim consagrou,
foi porque ele, também me achou..
É por isto que crio coragem,
não desanimo, vou fundo,
pois que Deus assim permitiu,
por eu não está só, nesse mundo
Pois anjos que a mim, guardam
me auxiliam e faz-se ouvir,
conselhos que a mim, emitem
me levando a refletir..

Livinh@

domingo, 25 de janeiro de 2009

Me faça dormir...


A noite adentro e,
na longevidade de meus pensamentos,
te encontro...
Enxugo minh'alma
e te lavo com meu pranto;
E no mais puro e sublime encanto,
você canta
e me faz dormir...

Livinh@__

sábado, 24 de janeiro de 2009

Eu sou criança, e daí?


Hoje eu vou pintar o sete
ouvir musica da Ivete
sair por aí aprontar
Se alguém se meter comigo,
jogo formiga no umbigo
só para ver se coçar.
Não dizem que sou sapeca
que estrago minha boneca
e saio a me lambuzar?
Então você, segura essa
que farei arte abessa
pra ver você se ouriçar..
Eu sou criança e daí?
tenho que ficar quetinha
pra você se distrair...
Pode parar por aí!
criança tbém é gente,
e se vira adolescente
você diz: aborrecente!
Gente grande sem memória
fala de sua história,
com mentira, sem verdade,
se mostra em santidade,
pra nos fazer se calar,
mas deixa estar que acredito,
pois que o Santo Benedito,
a mim tudo vem contar...
Que é? criança tbém tem direitos,
quero alguém que entenda
meus medos,
me proteja, enquanto cresço,
para eu me educar...

Livinh@__


Lapidando...


Nós, seres humanos,
na verdade tem mil faces,
por está sempre em mudança
se aperfeiçoando, com arte;

A mudança é natural, acontece
sem que sequer percebamos,
pois a nossa atravessia,
é que está nos educando...

Tempos passados, observe
você já não era, o que é
a vida foi te ensinando
a remar contra a maré,

Testa nossa paciência,
apresenta dificuldades,
nos tornando flexíveis,
treinando capacidade..

A gente, a tudo filtra,
pelo amor ou pela dor,
infeliz de quem duvida
e se faz de opositor

Portanto não se esconda,
encare o seus problemas,
por mais duro que nos seja,
no final, valeu a pena...

Livinh@__

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Arquivo mental...


O arquivo mental
é algo espetacular,
experimenta sensações,
que não se sabe explicar;
trás consigo vagas lembranças,
que surgem não sei porque,
onde as vezes, não se defini,
e ficamos sem saber...
Surgem em muitos momentos,
fleches vários, instântaneos,
parece uma certeza,
dum passado sem tamanho;
Outras vezes, intuitivo,
que não se consegue entender
aponta, rasgando o peito
avisando acontecer...
Angustias, ansiedades,
momentos até de tensão,
é estranho, esquisito,
um choro sem ter razão..
Será que isto é resquício
de algo que aconteceu,
ou são coisas do espírito
outrora, o que já viveu?
Não importa esta memória
dum arquivo que jáz morto,
se já vivido, esquece,
a morte, só existe no corpo,
Pois que na vida,
"existe razões, que a própria
razão desconhece"....

Livinh@__

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Sorria Muitoooo!!


Somente um sorriso
faz a vida cantar;
Somente uma canção
faz um sorriso chorar,
mas não um choro/tristeza,
mas repleto de alegria,
aquela lágrima que cai,
que corações contagia...
Por que não pintar a vida,
assim como arco-íris,
misturar toda aquarela
formando risque, rabisque...
Vamos fazer uma troca,
assim como os versos faz rima,
descer tudo o que é do céu,
e o que é da terra pra cima;
A gente faz colorido,
como a saia das meninas
colorindo toda a vida,
nova vida descortina...
Se o palhaço faz o riso,
a gente faz palhaçada,
no fim, se mistura tudo
e dar boas gargalhadas...

Viva la Vida!!

Livinh@__

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Sou eu o meu pensar


Sou eu, o meu pensar,
quando saio a criticar
as barreiras do caminho,
Sou eu, que gero dificuldades,
quando a bem da verdade,
torno-me o próprio espinho;
As vistas escurecidas
sem perceber coloridos,
atônita, meio perdida,
completamente sem brilho...
Das belezas jaz esquecida,
na mente turva, enlouquecida,
revolta de indagações,
sou eu, com meus ladrões,
me assaltando a paciência,
tirando de mim ilusões...
Penso que o mundo é injusto,
pobre de mim, que lamenta,
sou eu mesma que não "guenta"
toda sombra que degusto;
A folhinha já virou,
o tempo se transformou,
e eu assim, ensimesmada,
nem notei que a passarada,
na matutina cantou...
É Deus, que chama a patativa
convidando-a à cantar,
dizendo a linda morena,
que seu príncipe vai chegar...

Livinh@__

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Se eu pudesse...


Ah se eu pudesse
voltar ao passado outra vez
nada teria a consertar, corrigir
queria apenas a tudo repetir
Se eu pudesse fazer os dias
parar,
assim teria feito,
mas não tinha comigo
uma bola de cristal,
que me mostrasse o futuro
para evitar na tua história,
o derradeiro final...
Perdoe-me se não consigo
agora,
continuar a minha história
sem a tua presença...
perdoe-me,
se não consigo prosseguir,
quando não páro de
pensar em ti
e recomeçar...
Parei no tempo
e me esqueci de continuar.
Você não sabe,
mas já pedi tantas vezes
ao vento
que a mim levasse...
Talvez, ele tenha tentado,
mas estanquei no passado,
no mesmo lugar
e tudo que ele conseguiu,
o vento,
foi esvoaçar meus cabelos,
e minh'arvore não desabou...
Você me ensinou tantas coisas
e tanto eu aprendi,
mas algo, você não me ensinou
foi como viver sem
ti


Livinh@__

domingo, 18 de janeiro de 2009

Quem nunca....


Quem nunca sentiu vontade
de andar de pés no chão
circular pela cidade,
mesmo na contra-mão?
Transformar a noite em dia
da tristeza, alegria
e transpor a condição?
Quem nunca sentiu vontade
de ver o sol a olho nú,
viajar de norte a sul
e fazer revelação?
Quem nunca sentiu vontade
de ver o rosto de Deus,
realizar caprichos seus
e romper a escuridão?
Quem nunca sentiu vontade
de gritar um grande NÃO,
mas por uma circunstância,
entrou em contradição?
Quem nunca sentiu vontade,
de tornar sonho realidade,
e da morte, extinção?

Quem nunca sentiu....

Livinh@__

sábado, 17 de janeiro de 2009

Declaração...


A ti, meu amor declaro
no desejo de ser puro e raro
aos olhos do mundo...
Me torno teu amante
sereno e profundo
Como cavalheiro andante,
aceite-me, minha amada,
joia rara,
desse universo infinito:
Trago-te botão de rosas,
a mais bela de todas que vi,
por te amar...
quando de algum jardim, colhi.
Não me diga não, diga sim,
pois que perante a ti, me ajoelho..
Permita-me ser a ti, doce e fagueiro,
me entregando por inteiro,
para amar você...

- Meu querido,
também te amo, não nego
e em teus braços, me entrego...

Livinh@__

Determinação...


Temer as mazelas da vida?
Nunca!!
Sei, não devo parar,
me frustrar, me deprimir,
simplesmente acrescentar,
lutar, por conseguir...
Que me julguem ou me
invejem,
isto apenas me faz rir;
Somente pára no tempo
quem não tem pra onde ir...

Livinh@__

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Somente hoje...


Hoje optei pela infância,
quando tão bom ser criança,
ainda a descobrir os
meus dons
A vida pra mim era festa
deixava correr a imaginação
Meu mundo era bem
colorido
e tudo fazia sentido
dentro do meu coração...
Eu não conhecia maldade,
e tudo era de verdade
sem mentira, enganação..
Ouvia sim, muitos não,
chorava é claro,
mas logo esquecia,
não guardava rancor
não..
A chuva, o sol,
os dias e noites,
era tudo igual pra mim,
e as flores que visualisava,
achava lindas em qualquer jardim
Palmadas?
ah, levei tantas
mas não era crueldade,
mamãe apenas me
corrigia,
me ensinando a ave maria,
para que eu tivesse
consciência,
que a vida requer
paciência e não feita
de ousadia.
Me ensinou o limite,
controlou meus arrebites
me mostrando a respeitar;
Ah, minha doce infancia...
Hoje, não seria quem sou,
quando aprendi a amar,
também a perdoar,
por ser fruto do amor..


Lívinh@__

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Sonhei....


Sonhei com muitos amores
e me chegou você para amar,
Sonhei ser coberta de flores
e a tua essência, me fez exalar...
Sonhei ser a luz do Sol
e você me chegou a iluminar
Sonhei ser como a Lua
para noite dos namorados, enfeitar
e você me fez somente tua,
em teus braços, me enfeitiçar...
Sonhei ser como um gramado,
para te sentir, ao se deitar,
enquanto o céu fotografava,
a tua presença, oh amado,
em mim, deleitar...
Você realizou meus sonhos,
me fez mulher, me encantou,
fez de minha história, um conto
e me amou, amou, amou...

Livinh@__

Felicidade é isto...


Felicidade é isto,
é saber que n'algum lugar,
muito além, no infinito,
existem alguém que pensa
na gente,
demonstrando simplesmente
o quanto o amor é bonito...

Saudades....

Livinh@__

Sou de la poesia,
eis a minha perfomance
das histórias fictícias,
até mesmo do romance...
Sigo porém na aventura,
na alegria, saltitante,
ou pulo de paraqueda,
ou desço de escada rolante;
não importa se deslizante
vou seguindo,
como navegante,
no sol, no mar,
sou eterna viajantes
que a poeira haverei
de ver assentar
e a tão esperada Paz
no horizonte,
haverá de despontar...

Livinh@__

domingo, 11 de janeiro de 2009


Inspiração é uma brisa encantada
que chega de algum lugar, do nada
e adentra o interior da gente...
Enfeitiça o coração, assim de repente,
promove um suspirar, enebriante
completamente... até que os orgãos
sensores bailam simultaneamente
e faz a gente divagar....
Tudo isto é coisa da mente
que tem o poder de voar...

Livinh@___

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Brasília...



Uma lembrança,
um viver silencioso
da saudade que ficou,
d'um passado glorioso...
Páginas viradas,
que não voltam mais,
folheados, escritos, revividos
que assanham imagens
e bailam, no infinito...
Experimento de sensações,
num valsar de pensamentos,
um festejar de emoções,
entre lágrimas risos, sentimentos...

Livinh@__