quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Compreender e perdoar...


Pedir ao sentimento da alegria,
que abraçasse a dita da tristeza,
e ela, meia que envergonhada,
e confusa, retirou-se com destreza...

Pedir ao senhor das falas,
trouxesse o silencio, ao realismo
e ele no convexo da ausência...
provou ser portador, surdimutismo

Pedir a srª vítima que destinasse
ao agressor o seu perdão,
e ele, renegando o pedido
blasfemou e decretou condenação...

Pedir ao egoismo que aprendesse
a dividir,
doasse um pouco daquilo que tem
ele, orgulhoso, não quis me ouvir,
dando com os ombros:
nada darei a ninguém!

Em oração a Deus eu digo:
Senhor, perdoai-vos, eles não sabem
o que dizes, são eternos sofredores,
pragas de suas próprias raízes...


Lívi@petitto



...................................................................................................