quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Siga comigo...


Se não for possível voltar a beira do caminho,
deixa-me recomeçar, d'onde foi interrompido
e siga comigo...
e se n'algun instante eu resolver parar,
que seja pra uma lágrima rolar,
nada me pergunte, apenas me escute
e permita que eu te minta,
que existe um cisco nos meus olhos
a me encomodar...
finja que acredita, me sinta
e deixa-me chorar...


Lívi@petitto



...................................................................................................