segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Eu de Mim...


Há um horizonte acolá
que se deleita sobre o mar
há um eu...
sozinho e, ao mesmo tempo,
cheinho de gente,
mas também, somente...
Dizem, que há um Deus, creio!
mas não o vejo...´
existe uma sensação, latejo
e a observar, permaneço...
Alguém chama e sequer aquele eu,
se dar conta,
seguindo a deriva, naquele lugar...
Fim de tarde...
quem consigo haveria de se importar
se nem mesmo o sol dar um sobreaviso
que está indo se deitar...
apaga as luzes e fecha as cortinas,
e a noite surge...
sublime imagem ofusca tal retina
e aquele eu... eu de mim!
agora, já não se sente mais sozinho...

Lívi@petitto


...................................................................................................